SUSE Linux Enterprise High Availability Extension

Maximize sua disponibilidade de serviço e praticamente elimine o tempo de espera. O SUSE Linux Enterprise High Availability Extension oferece uma tecnologia robusta e líder da indústria de alta disponibilidade e código-fonte aberto que é fácil de configurar e usar. Ele pode ser implementado em ambientes físicos e/ou virtuais, além de poder agrupar em cluster servidores físicos, servidores virtuais ou qualquer combinação dos dois para atender ao seu negócio.

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS
  • Gerenciar clusters do Pacemaker HA com High Availability Web Konsole (Hawk)
  • Configuração fácil e rápida
  • Oracle Cluster File System 2 (OCFS2) de alto desempenho
  • GFS (Global File System - Sistema de Arquivos Global) 2 com vários recursos
  • Uma solução de HA de quinta geração baseada no Pacemaker
  • Suporte a HAProxy para complementar o equilibrador de carga do servidor virtual Linux
  • Atualização para a versão mais recente do Relax and Recover (ReaR)
  • Suporte ao conector EMC NetWorker e ao sistema de arquivo btrfs incluído
Clique para ver mais recursos
Versão 12

Requisitos do sistema

Recomendações para usos específicos
  • 512 MiB a 4 GiB RAM, pelo menos 256 MiB por CPU
  • 4 GiB de espaço em disco, 16 GiB para instantâneo/rollback do SO
  • Interface de rede (ethernet, sem fio ou modem)
  • Redundância de rede
  • Mecanismo de fencing de E/S e possível armazenamento compartilhado
  • Para o servidor de host virtual Xen, pelo menos 512 MiB de RAM para cada servidor de host virtual
  • Para o servidor de host virtual KVM, os limites do KVM são iguais aos do SUSE Linux Enterprise Server
  • Para máquinas virtuais Xen ou KVM, pelo menos 256 MiB de RAM adicional para cada máquina virtual
(Continuação)
  • Para servidores de impressão, um processador relativamente rápido ou processadores adicionais para aumentar a impressão com base em servidor
  • Para servidores Web, RAM adicional para aumentar o cache e processadores adicionais para aumentar o desempenho do aplicativo Web
  • Para servidores de banco de dados, RAM adicional para aumentar o cache e uso de vários discos para E/S paralela
  • Para servidores de arquivo, memória e discos adicionais ou um sistema RAID (Redundant Array of Inexpensive Disks) para aumentar o throughput de E/S
Requisitos mínimos de sistema do servidor Linux
  • Instalação local: 512 MiB de RAM, 512 MiB de Swap recomendados
  • 2 GiB de espaço em disco disponível (recomendação: um espaço ainda maior; 8,5 GiB para todos os padrões)
  • 16 GiB para instantâneo/rollback do SO
Clique para ver mais especificações

O que é o SUSE Linux Enterprise High Availability Extension?

O SUSE Linux Enterprise High Availability Extension é uma tecnologia robusta e líder de indústria de alta disponibilidade e código-fonte aberto que é fácil de configurar e usar. Ele pode ser implementado em ambientes físicos e virtuais. Em conjunto com o Geo Clustering para SUSE Linux Enterprise High Availability Extension, ele ajuda a manter a continuidade do negócio, proteger a integridade dos dados e maximizar o tempo de atividade do serviço para cargas de trabalho importantes do Linux em áreas locais e até mesmo distâncias ilimitadas.

Gostaríamos de implantar Clusters Linux e também de algum tipo de assistência. Como o SUSE pode nos ajudar?

Você pode implantar e gerenciar os clusters do SUSE Linux Enterprise Server com total confiança, sabendo que tem o apoio da organização de serviços de classe mundial no SUSE. Não importa se sua empresa é pequena ou global, o SUSE tem os recursos necessários para você criar e gerenciar seu ambiente de TI. Aproveite nossos especialistas em consultoria, receba treinamento líder da indústria e acesse nossa organização de suporte premiada, assegurando-lhe o máximo por seus investimentos em TI.

Por que o produto é chamado de uma "extensão"?

O produto é chamado de uma extensão porque é um produto complementar ao SUSE Linux Enterprise Server 12, e "estende" os recursos do sistema operacional do servidor. É necessário ter o SUSE Linux Enterprise Server e o SUSE Linux Enterprise High Availability Extension para criar cluster Linux de alta disponibilidade. Também são necessárias subscrições pagas para ambos para obter suporte e manutenção técnica para os servidores Linux em cluster.

Eu preciso de uma subscrição adicional para o geo clustering?

Sim. Para receber suporte e manutenção para servidores Linux armazenados geograficamente em clusters é necessário ter o Geo Clustering para SUSE Linux Enterprise High Availability Extension, além das subscrições ativas do SUSE Linux Enterprise Server (SLES) e do SUSE Linux Enterprise High Availability Extension.

Clique para ver mais perguntas

Gerencie facilmente servidores Linux em cluster

 

O SUSE Linux Enterprise High Availability Extension inclui uma interface de linha de comando unificada avançada para que gerentes de TI experientes instalem, configurem e gerenciem, de forma rápida e fácil, seus servidores Linux em cluster. Ele também inclui uma interface gráfica do usuário que fornece uma ferramenta simples e amigável para o monitoramento do ambiente em cluster.

Mais ›

Melhore a disponibilidade dos serviços e a utilização dos recursos

O SUSE Linux Enterprise High Availability Extension é uma das poucas soluções de cluster disponíveis compatível com um cluster misto de servidores Linux físicos e virtuais. Essa solução versátil oferece flexibilidade sem precedentes e permite melhorar simultaneamente a disponibilidade dos serviços e a utilização dos recursos.

Mais ›

Minimize a perda de dados

 

Todas as empresas utilizam muitos dados e fazem o possível para garantir que as informações confidenciais da empresa e a propriedade intelectual estejam protegidas. Com o SUSE Linux Enterprise High Availability Extension, você pode proteger seus ativos de dados usando sua infraestrutura de TI existente, minimizando a perda de dados devido a falhas e corrupção.

Mais ›

O que as pessoas estão dizendo a respeito SUSE Linux Enterprise High Availability Extension