Relatório da 451 Research

A SUSE se aprofunda ainda mais no mercado de contêineres

Leia mais

White paper

Transforme o seu data center com Kubernetes como serviço no SUSE OpenStack Cloud 7

Leia mais

Relatório da 451 Research

O Gerenciamento e a organização de contêineres estão preparados para o efeito poliglota?

Leia mais

O que é o Kubernetes?

O Kubernetes é um sistema de código-fonte aberto para gerenciamento e organização de aplicativos em contêineres.

Projetar aplicativos usando contêineres Linux de código-fonte aberto é uma abordagem ideal para a construção de aplicativos nativos na nuvem para hospedagem em nuvens privadas, públicas ou híbridas. O Kubernetes automatiza a implantação, o gerenciamento e a expansão desses aplicativos, facilitando, acelerando e aumentando a eficiência de todo o processo.

Com as empresas modernas buscando um novo paradigma para impulsionar a inovação, não é de se surpreender que o Kubernetes tenha ficado rapidamente conhecido. Agora, o sistema é visto como líder de mercado, tanto pelos desenvolvedores de software quanto pelos responsáveis pela tomada de decisões comerciais de TI.



A história do Kubernetes

O sistema é originalmente uma criação do Google, que vem desenvolvendo e gerenciando aplicativos construídos com o uso do Linux por bem mais de uma década. Eles foram pioneiros no desenvolvimento e no uso de contêineres para cargas de trabalho nativas na nuvem em produção e em escala. O Kubernetes foi aprimorado com base no conhecimento e na experiência do Google, obtidos com sistemas de gerenciamento de contêineres anteriores chamados Borg e Omega.

Como um projeto de código-fonte aberto, o Kubernetes agora está sob a administração da CNCF (Cloud Native Computing Foundation) e da Linux Foundation. Isso garante que o projeto se beneficie das melhores ideias e práticas de uma enorme comunidade de código-fonte aberto, evitando, assim, o perigo da dependência de fornecedores.



Principais recursos

  • Implantação de aplicativos de forma rápida e previsível em nuvens privadas, públicas ou híbridas
  • Expansão de aplicativos de forma ininterrupta
  • Implantação perfeita de novos recursos
  • Uso enxuto dos recursos do computador
  • Execução contínua dos aplicativos de produção com uma arquitetura de reparo automático


SUSE e Kubernetes

A SUSE acredita que o Kubernetes será um elemento crucial para a Infraestrutura definida por software (SDI) necessária para impulsionar os negócios corporativos do futuro.

A Plataforma SUSE CaaS foi desenvolvida com o uso do Kubernetes, a fim de oferecer uma solução fácil de usar para desenvolvimento e hospedagem de aplicativos em contêineres. Ela é a plataforma ideal para iniciativas de DevOps e de gerenciamento do ciclo de vida de aplicativos avançados.

O SUSE OpenStack Cloud inclui suporte completo para Kubernetes oferecido por meio do OpenStack Magnum. O Magnum facilita a substituição de clusters e oferece um ambiente de multiusuários completo, o que possibilita que diferentes usuários tenham seus próprios clusters Kubernetes. Com esse recurso de Kubernetes como serviço, não é de se surpreender que os usuários de OpenStack estejam adotando contêineres com três vezes mais rapidez do que o resto do mercado corporativo.